segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

FELIZ 2013! COM MUITA SÁUDE E PAZ

 
 
Desejo a todos os amigos e amigas, um Feliz 2013, com muita saúde e paz. Que possamos pensar mais coletivamente e que a humanidade possa entender que é preciso cuidar das pessoas e do nosso planeta com mais carinho. Precisamos criar uma forma de desenvolvimento, que não prejudique a "saúde da nossa casa", a mãe Terra, com inclusão social.

 
Sou um eterno otimista e acho que a humanidade vem evoluindo, que teremos novas gerações, mais comprometidas com a coletividade, olhando para o seu redor com mais carinho. Sonho com um dia que a violência, a miséria, a inveja e a desigualdade social, serão coisas de um passado bem distante. 
 
Quem venha 2013!!!

domingo, 30 de dezembro de 2012

CURIOSIDADES DOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS

Vamos conhecer algumas curiosidades de alguns municípios do país. Hoje temos mais de 5.550 municípios espalhados por todo o território nacional e cada um com suas caracteristiscas e peculiaridades.
 
As curiosidades começam por alguns nomes: Quebra-Freio, Corta-Mão, Não-Me-Toque, Venha-Ver, Passa-e-Fica, Passe-Bem. Bela Solidão, Varre-e-Sai, Chá de Alegria, Bem-Bom, Jacaré dos Homens, Recursolândia e Vai-de-Cães.
 
As ruas... Tem municípios que todas as ruas são numeradas ou que as ruas são só nomes de vegetais ou todas as casas tem nome de músicas. Em Rubiataba, interior de Goiás, todas as ruas têm nomes de árvores e plantas. Já na paulista Rio Claro os logradouros são numerados: rua Um, rua Dezessete, rua Vinte e Três, e por aí vai. Na fluminense Conservatória, autoproclamada “capital nacional da seresta”, o inusitado não está no nome das ruas, mas das casas.
A menor e a maior... Você acredita que uma cidade brasileira possa ter menos de 1.000 habitantes? A cidade paulista de Bora, possui 837 habitantes. Em sua configuração mais otimizada, o superjumbo tem capacidade para transportar até 853 passageiros. É daquelas cidades que o tempo não passa. Enquanto isto... Altamira, no Pará, é a maior cidade do Brasil. E a segunda de maior extensão do mundo. Com quase 160 mil quilômetros quadrados, é 105 vezes maior do que a cidade de São Paulo e a menor cidade brasileira é Santa Cruz de Minas, com cerca de três quilômetros quadrados. Colada a São João del-Rei, a cidadezinha também é um tanto jovem: foi fundada em 1995. Para atravessá-la, o visitante não percorre nem dois quilômetros.

Onde mais chove e menos chove... Cabrobó, em Pernambuco, é o lugar onde menos chove no Brasil. A amapaense Calçoene é onde mais cai água. Já a catarinense São Joaquim é onde há mais registro de neve.

Mais homens e mais mulheres... Dos 10 municípios brasileiros com mais varões, nove estão no estado de São Paulo. A cidade com mais homens é Balbinos, onde 82% da população é do sexo masculino. Para alívio dos paulistas, o estado de São Paulo também abriga a cidade com mais mulheres. Em Santos, 54% da população é feminina. Depois vem o Recife e, logo em seguida, outro município paulista: São Caetano.
Nomes estranhos... Varre-Sai (RJ) O nome viria de um aviso afixado num dos ranchos de descanso dos viajantes. A placa anunciava: Varre e sai. Ou seja, os tropeiros poderiam usar o alojamento à vontade, desde que deixassem tudo limpinho na saída.

Não-Me-Toques (RS) É um mistério até para os habitantes a origem do nome do município gaúcho. Há quem diga que era pela abundância da planta homônima na região. Mas há também a possibilidade de ser pela existência de uma fazenda chamada Não-Me-Toques nas redondezas.

Anta Gorda (RS) O nome foi inspirado numa memorável caçada ao pobre animalzinho no século 19. Em 1910 houve a mudança de nome para Carlos Barbosa, então governador do estado. Mas a população não gostou nada da troca. De tanto pressionar, a cidade voltou a ser Anta Gorda. E quem nasce lá é antagordense.

As cidades planejadas... Ao contrário do que se pensa, o Brasil não tem apenas Brasília como capital planejada. Teresina, Aracaju, Belo Horizonte, Goiânia e Palmas também nasceram nas pranchetas de urbanistas.
 
O mundo dentro do Brasil... Nova Iorque fica no Maranhão, Buenos Aires é um município pernambucano. E tem também Califórnia no Ceará, Flórida no Paraná, Filadélfia na Bahia e atee uma Shangri-la, o paraíso perdido. Só que o brasileiro fica no Rio Grande do Sul.
 

sábado, 29 de dezembro de 2012

PROGRAMA POLOS DO RIO

O Programa Polos do Rio é o encontro virtuoso entre o poder público e a iniciativa privada para revitalizar o tradicional comércio de rua da cidade do Rio de Janeiro. Hoje o Programa tem 23 Polos Gastronomicos, Turístos e Comerciais. O Programa Polos do Rio é coordenado pela SEDES - Secretaria de desenvolvimento Econômico Solidário, em parceria com o SEBRAE, Fecomércio, SindRio, Banco do Brasil e ACRJ.
 
O programa Polos do Rio trabalha para a promoção das vocações locais das diversas regiões da cidade do Rio de Janeiro, por meio do estimulo à atividade econômica e consolidação de espaços atraentes de convivência para os cariocas e turistas. Por meio da parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento Econômico Solidário da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro (SEDES), a Fecomércio-RJ, o SEBRAE/RJ, o Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes (SindRio) e a Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ), o programa promove a cooperação empresarial, a geração de emprego e renda e a revitalização da cidade.

Por meio do Decreto 31.473/09 foram reconhecidos 22 polos comerciais na cidade, que variam da excelência na gastronomia, aos acervos turísticos, ruas especializadas e centros comerciais. A iniciativa conta com o encontro virtuoso entre o poder público e a iniciativa privada na revitalização do tradicional comércio de rua.
A força econômica das ruas

A cidade de portas abertas, cordial, hospitaleira, democrática, com gente que entra e sai, compra, vende, trabalha, se diverte. A cidade dinâmica, que acontece na rua, que respira e transpira vitalidade. Este é o espírito que move empresários, comerciantes, artistas, consumidores, cozinheiros, garçons, motoristas, essa gente carioca, de todo o Brasil, que faz o Rio acontecer. O espírito dos Polos do Rio.
Instituído em 2004 para fortalecer o comércio de rua, Polos do Rio ganhou novo impulso a partir de 2009, passando a ser monitorado por uma Governança compartilhada e altamente partipativa. Ganhou também uma certificação, um selo criado para orientar, identificar, estimular e sustentar a qualidade dos empreendimentos de cada um dos polos de negócios reconhecidos pelo programa.

Atitude e espírito que fazem a qualidade carioca

Quem faz junto, faz melhor. Cria, promove, sustenta, multiplica. Esta é a receita dos Polos do Rio, um programa de cooperação empresarial, geração de emprego e renda. O Polos do Rio é o encontro virtuoso do poder público com a iniciativa privada, do mercado com o consumidor, da cidade com o cidadão. É o Rio de que a gente mais gosta. O Rio do diálogo e do entendimento. Onde ele estiver, pode confiar que o serviço é bom. Palavra da Governança do Programa. Gente do ramo, especializada em gestão, qualificação profissional e marketing empresarial. Um time que ajuda quem quer fazer melhor a fazer junto. E todo mundo sai ganhando.
Ciranda da Qualidade


Formar um polo de negócios, setorial ou plural, é coisa muito séria. Além de ser reconhecido por meio de um decreto municipal, o polo é um termo de compromisso entre parceiros. A governança orienta, anima, apóia. Mas quem faz o polo nascer e acontecer é o grupo que dele participa, que toma a iniciativa de se associar.

O polo nasce da vontade de um conjunto de empresas de uma determinada região da cidade. É um recorte geográfico. E é preciso um mínimo de 12 participantes para formar um polo. Um grupo que passa a participar de palestras e seminários, que aprende a pensar seu negócio no plural e que articula seu sucesso empresarial ao sucesso da rede de serviços públicos da cidade – iluminação pública, coleta de lixo, estacionamento regular, segurança.

O resultado desta equação é mais conforto urbano para todos. Sob a chancela de uma parceria público-privada, empresários celebram a iniciativa em torno de um Plano de Ação, baseado no associativismo. Tornam-se agentes de um desenvolvimento sustentado por práticas saudáveis de gestão e cidadania, como a coleta seletiva de lixo, a organização de feiras, a criação de centrais de compras e a adoção de padrões de acessibilidade em seus estabelecimentos.

Visite alguns deles, será um programa imperdível. Conheça todos os Polos clicando no link abaixo.

http://www.programapolosdorio.com.br/portal_pagina.php?pag=2


 

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

RÉVEILLON DE COPACABANA


A Prefeitura do Rio anunciou o esquema operacional para o Réveillon 2013 em Copacabana. O anúncio foi feito na quarta (26) pelos secretários Antônio Pedro (Riotur) e Carlos Osório (Transportes). O esquema envolve diversos orgãos públicos, como Guarda Municipal, CET-Rio, Secretaria Especial de Ordem Pública, Comlurb, Metrô Rio, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.
 
Copacabana vai fechar totalmente a partir das 22h do dia 31 até às 4h do dia primeiro. Este ano a prefeitura irá implantar um via exclusiva para a locomoção do público.  
 
"Nosso objetivo é facilitar a vida do carioca e trazer mais conforto para aqueles que vão se deslocar para Copacabana. Antes, havia um cruzamento de pessoas e veículos, e ninguém conseguia se mover. Agora, no horário de pique, faremos com que o bairro fique livre para os pedestres. Os veículos serão encaminhados a quatro pontos estratégicos durante esse horário, em áreas adequadas para o embarque das pessoas após a festa. Este ano, vamos antecipar em uma hora o fechamento do bairro. Logo, pedimos que o carioca chegue mais cedo a Copacabana" - afirmou Osório.
 
Veja mais detalhes no site da Prefeitura do Rio:

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

O BOTAFOGO PRECISA OUSAR PARA SOBREVIVER

O Botafogo vem a cada ano se "apequenando" e satisfeito com os quintos e sextos lugares no brasileiro e ganhando de vez enquanto, o falido e cada vez mais sem importância, Campeonato Carioca. Não tem um pensamento agressivo e continuado, para que o clube possa chegar no topo e disputar os títulos, afinal só ganha quem chega na final.
 
Mas o Botafogo atual tem medo de ousar, de acreditar que é possível quebrar barreiras e inverter este "ciclo de destruição" que o clube entrou. Vai a cada ano se firmando como quarta força do estado e apenas sua brava e aguerrida torcida, resiste a ficar menor que o adversário tricolor. A venda do zaqueiro Dória para a Juventus, é a maior prova de tudo o que estou falando. O clube abre mão de uma grande revelação e que pode valer muito mais no futuro, para correr atrás de uns trocados para pagar seus compromissos. O mais incrível é que há um retrocesso nas divisões de base, os empresários voltaram a dominar os passes de nossos futuros craques, assim não há esperança que se mantenha em pé, estão comprometendo todo o futuro do Botafogo. O Dória está sendo vendido e 60% do seu passe não pertence ao clube. Como isto é possível? A direção do clube precisa se justificar para a torcida, sobre esta composição feita com os empresários.
 
O Botafogo não pensa em ter um grande time e conquistar títulos nacionais e internacionais. Precisamos inverter esta lógica, temos que ganhar grandes títulos e com frequência, assim vamos atrair mais patrocinadores de peso, a torcida vai voltar a apoiar o time, a bilheteria vai aumentar, a cota de TV vai subir, produtos serão mais consumidos, a torcida vai crescer, enfim, mais arrecadação para o clube. este é o ciclo que precisamos construir.
 
Acho super importante reverenciar os nossos craques do passado como Heleno de Freitas, Amarildo, Manga, Gérson, Paulo César Caju, Zagalo, Didi, Quarentinha, Nilton Santos, Garrincha, Mendonça, Maurício, Túlio, entre tantos outros. Temos que olhar para o passado, para construir o futuro, quero que uma nova geração de craques possam ser reverenciados pelos novos torcedores, que o orgulho de ser alvinegro esteja em cada olhar, daqueles que usam a estrela solitária no peito e transformaram o clube, na sua maior paixão.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

TRABALHADORES CONQUISTAM ISENÇÃO DE IR NA PLR

O Governo Federal anunciou, através da ministra-chefe da Casa Civil Gleisi Hoffmann, a isenção de Imposto de Renda sobre a PLR (Participação nos Lucros e Resultados) dos trabalhadores (as) que recebem até R$ 6 mil. A medida será publicada hoje (quarta, 26), pela presidenta Dilma Rousseff.
 
Para Vagner Freitas, presidente da CUT, o anúncio são é fruto da luta e da capacidade de negociação da CUT e de outras centrais, que têm levado as pautas da classe trabalhadora a Brasília e insistido no diálogo com o Governo. “É uma boa notícia de Natal e de Ano Novo para os trabalhadores e trabalhadoras, resultado de esforços coletivos, do empenho da CUT e de suas entidades filiadas".
 
Não tenho a menor dúvida que a luta dos trabalhadores e trabalhadoras de todo o país, foi fundamental para mais esta conquista. Mas ainda precisamos avançar em outras pautas, como a redução da jornada de trabalho para 40 horas sem redução de salário, fim do fator previdenciário, a questão da terceirização, as Convenções 158 e 151 da OIT, reforma agrária, reforma política, reforma tributária, e para isto a mobilização em torno da CUT ( a maior Central Sindical do Brasil ) será muito importante.
 
Entenda como fica agora a cobrança do Imposto de Renda sobre a PLR:
 
Até R$ 6.000,00 - Os trabalhadores ficam isentos
de R$ 6.000,01 até R$ 9.000,00 - O IR será de 7,5%
de R$ 9.000,01 até R$ 12.000,00 - O IR será de 15%
de R$ 12.000,01 até R$ 15.000,00 - O IR será 22,5%
A partir de R$ 15.000,01 - O IR será 27,5%

Fonte: www.cut.org.br

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

FELIZ NATAL!

Que o espirito do Natal, não seja somente nesta data e sim em todos os dias de nossas vidas. Preocupação com o coletivo e que possamos construir um mudo mais justo, fraterno e igualitário.
Muita saúde e paz para todos os amigos. FELIZ NATAL!

sábado, 22 de dezembro de 2012

NOVO VISUAL DAS PRAIAS CARIOCAS

As praias cariocas começam a ter um novo visual. As barracas que são alugadas pelos barraqueiros na orla, terão texturas de cores inspiradas na própria paisagem (a areia, o pôr do sol, o azul e verde do mar e do céu). A iniciativa da Prefeitura do Rio, é valorizar a paisagem local e criar uma ambiente mais agradável.

Assim ficará o novo visual

 
Serão, oito mil novos guarda-sóis nas praias de Ipanema e Leblon inicialmente. A programação é que todas as praias possam ter o novo visual em breve.
 

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

PROGRAMAÇÃO CULTURAL NO FINAL DE SEMANA

Aterro do Flamengo
 
Uma iniciativa para levar cultura para as pessoas e movimentar a economia criativa da região. Esse é o objetivo do Parque Criativo que acontece nesse domingo, no Teatro Municipal Carlos Werneck, no Aterro do Flamengo. Com classificação livre e entrada franca, o evento oferece para o público: mercado de Moda e Design, apresentações de DJ's e teatro infantil. A programação também inclui o show de Edu Kieger e Rodrigo Maranhão (foto) e do Trio Rapacuia, esse formado por três cariocas amantes da cultura nordestina que se propuseram a espalhar a semente que Luiz Gonzaga plantou. Trio Rapacuia, uma alusão a música de Bezerra da Silva, que outrora transitou pelo universo encantado do Forró-Pé-de-Serra.
Parque das Ruínas
 
No Parque das Ruínas, no sábado, dia 15, será a vez do Auto de Natal dos Irmãos Brothers, espetáculo com música ao vivo que narra a história do nascimento de Cristo através da pureza e magia do circo. A classificação é livre e a entrada é franca. Também no Parque das Ruínas a Exposição Sucarte, do artista popular folclórico Getúlio Damado. As obras feitas com sucata e reciclados ficam expostas ao público até o dia 31 de dezembro, das 10 às 18 horas. A entrada é franca.
Canções de Roberto Carlos 
Para quem gosta de dançar e do rei Roberto Carlos, a pedida é o espetáculo As Canções que Você Dançou pra Mim, no Teatro Municipal Carlos Gomes. Quatro casais são embalados por um grande “pout-pourri” com 72 canções interpretadas pelo grande cantor e compositor Roberto Carlos. Músicas que marcaram épocas e que já se tornaram clássicos da MPB aparecem agora como mote principal para mais uma produção da Focus, com direção e coreografia de Alex Neoral. Dias 15 e 16, sábado e domingo, às 20h. R$20, no sábado e R$1, no domingo. A classificação é livre.
Roda de Jongo
No Centro Cultural Municipal Laurinda Santos Lobo, Santa Teresa tem Roda de Jongo com a Cia Banto. O evento terá grupo de estudo e apresentação de danças populares como Jongo, Maracatu e outras mais do folclore popular. Neste sábado, dia 15, das 14h às 16h. A classificação é livre e a entrada é franca.
 
Tem muito mais eventos no site da Prefeitura do Rio.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

CAMPEONATO DAS TORCIDAS

Todo final de ano, rola um futebol super saudável entre os diretores e funcionários do Sindicato dos BancáRios. Tem sorteio alguns dias antes, torcida, bandeiras e até faixas das torcidas. este ano será a nona edição, a competição acontece desde 2004.
 
Os botafoguenses são os maiores campeões, com cinco títulos. Os tricolores tem dois títulos, os flamenguistas com um título e os vascaínos buscam ainda a sua primeira conquista.

Na última sexta-feira, foi realizado o sorteio e o cruzamento das equipes ficou igual ao ano passado. VASCAÍNOS X TRICOLORES E BOTAFOGUENSES X FLAMENGUISTAS. Quem será campeão este ano?

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

MAIORES TORCIDAS DO BRASIL

Saiu fresquinha do forno a nova pesquisa do Instituto Data Folha, que aponta o tamanho das torcidas dos clubes, em todo território brasileiro.
 
Na pesquisa, o campeão mundial Corinthians, já divide o tamanho da torcida com o Flamengo, os dois aparecem com 16% da preferência nacional. Em relação a 2010, o Corinthians subiu 2% e o Flamengo caiu 1%. Em seguida, vem o São Paulo com 9%, o Palmeiras com 7%, O Vasco com 5%, o Grêmio com 4%, Cruzeiro com 3%, Santos com também 3%, O Internacional, Atlético-MG e Botafogo com 2% e o Fluminense com 1%. Estas são as colocações das doze maiores torcidas na pesquisa.
A pesquisa Data Folha
 
Mas a maior torcida no Brasil é sem dúvida alguma, que não tem time algum. Em 2010 eram 25% e agora são ainda maioria no país do futebol, com 23%. 
 
Os times Paulistas conquistaram a maioria dos corações, daqueles que torcem para alguma equipe, são 36%. Os Cariocas vem logo a seguir com 24%. Os Gaúchos conquistaram 6%. Os Mineiros vem logo a seguir com 5%. Os baianos ficaram com 2%. Os clubes tradicionais como Sport, Náutico, Santa Cruz, Ceará, Fortaleza, Paysandú, Remo, Coritiba, Atlético-PR e Paraná, ficaram abaixo de 1% das preferências.

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

LINDO O ÔNIBUS DO FOGÃO

Ficou muito bonito e de extremo bom gosto o novo ônibus do Botafogo, que mostra o nosso lindo pavilhão.
Lateral com o nosso pavilhão

Traseira

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

LANÇAMENTO DO LIVRO SOBRE O RIO ECOSOL

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico Solidário da Prefeitura do Rio de Janeiro tem o prazer de convidá-lo (la) para o lançamento do livro "A Economia Solidária em Territórios Populares", uma pesquisa exploratória sobre o tecido sócioprodutivo em quatro comunidades da cidade do Rio de Janeiro, realizado pelo Núcleo de Solidariedade Técnica - SOLTEC da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ.

O Coquetel de lançamento ocorre na próxima terça-feira, dia 18 de dezembro, 18h às 21h, no Auditório Apolônio de Carvalho no Museu da República, Rua do Catete, nº 133, Catete, Rio de Janeiro - RJ.

domingo, 16 de dezembro de 2012

NOTA DO JORNAL O DIA

Sobre a nota que saiu no Jornal O Dia deste domingo, na coluna do jornalista Fernando Molica, tenho a esclarecer o seguinte: 
 
1 - Que tenho a intenção de indicar para o cargo de Subsecretário da SEDES, uma pessoa ligada à Economia Solidária, com conhecimento em Desenvolvimento Econômico Sustentável e com trânsito no Movimento Nacional de Catadores. São tarefas importantes para que a Secretaria possa continuar ajudando neste processo de transformações positivas que a nossa Cidade Maravilhosa vive atualmente.
 
2 - O PT faz parte de uma coligação vitoriosa e tem todo o direito de sugerir qualquer nome que possa contribuir para o Governo. Em nenhum momento, o Partido agiu de forma impositiva, tudo tem sido dialogado, como é a prática que acreditamos ser a mais indicada. Afinal, a última palavra sempre será a do Prefeito Eduardo Paes.
 
3 - Não houve e não há veto a qualquer nome sugerido, nem escolhas por motivação eleitoral e, sim, as preocupações citadas no item 1.
 
4 - Na SEDES, temos duas Subsecretarias, sendo que uma delas continuará sendo ocupada pelo companheiro Eugênio Soares, que vem  realizando um belo trabalho desde a gestão do Secretário anterior, Marcelo Costa.
 
5 - Tenho a certeza de que não me falta apoio do partido, de sua militância e, principalmente, dos movimentos sociais para que possamos superar os desafios e realizar uma grande gestão. É isto que a população e a cidade esperam.
 
Vejam abaixo a nota do Jornal O Dia, na coluna do jornalista Fernando Molica.
Nota que saiu na coluna do Fernando Molica

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

CURIOSIDADES SOBRE A PONTE RIO-NITEROÍ

A Ponte Rio-Niteroí em construção
Uma grande obra, que facilitou em muito a travessia da Baía de Guanabara, entre as cidades do Rio de Janeiro e Niteroí. Mas já precisamos de outra ponte, tal o volume de carros nesta travessia. Hoje mais de 140 mil veículos a usam, o dobro de sua capacidade. Antes da obra, o tempo médio de travessia pelas barcas, era de 1 hora e vinte minutos, fora o tempo na fila. Hoje em alguns horários levamos o mesmo tempo ou mais.
 
Em 1875, já havia a preocupação da ligação entre as cidades. Pedro II queria construir um túnel entre o Rio e Niterói. Não vingou. A travessia era feita pelas barcas ou então era preciso percorrer mais de 100 km em torno da baía.

Diz a lenda que vários operários morreram e alguns, por acidente, teriam sido soterrados nos pilares por toneladas de concreto. A ponte começou ser erguida em 1968 e foi inaugurada a 4 de março de 1974.  A ponte tem a extensão de 14 km e 9 são sobre o mar.

O ponto mais alto fica a 70 m do mar. Pilastras chegam a 210 m de profundidade. Os 220 milhões de quilos de cimento formariam 1.500 pilhas da altura do Pão de Açúcar ou construiriam oito estádios do Maracanã.
 

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

VÁ SE QUEIXAR AO BISPO

O nosso blog também é cultura. Saiba agora a origem da expressão:
 
VÁ SE QUEIXAR AO BISPO.
 
No século 17, ter filhos no Brasil era algo primordial. A Igreja até incentivava que as moças ficassem grávidas antes de subir ao altar, para comprovar que o homem era fértil – desde que depois o casamento se consumasse. O que acontecia, porém, é que muitos homens sumiam após os primeiros namoros. E as mulheres, o que faziam? Iam se queixar ao bispo, que mandava alguém atrás do noivo fujão. Da prática teria nascido a expressão usada até hoje.
 

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

A OUSADIA DO CRIME ORGANIZADO

Estamos vivendo uma grande fase no país economicamente, com geração de emprego e renda, inclusão social, com milhões de brasileiros que não tinham qualquer oportunidade, agora passam a ter condições de criar seus filhos com dignidade.Sei que muito ainda falta a ser feito, mas inegavelmente estamos avançando.
 
Agora o maior desafio, principalmente no eixo RJ-SP, é o combate ao crime organizado que ainda resiste e tentar avançar contra o estado e a sociedade. Em São Paulo, a onda de violência é resultado de anos de uma política, que acha que apenas a ação policial resolve e ainda acha que a política social é apenas umas doações aqui, outra lá e pronto. O atual Governo do Estado de São Paulo, que tem a frente o Governador Geraldo Alckmin/PSDB tem uma atuação na área de segurança pública deprimente. A Polícia Militar está tonta e despreparada para enfrentar uma organização criminosa, que demonstra alto poder de mobilização, como foi demonstrado na madrugada de sábado, onde diversos ônibus voltaram a ser queimados e policiais atacados.
 
No Rio de Janeiro, o crime organizado tenta retomar as áreas perdidas pela política de pacificação de algumas comunidades. Manter estes territórios livres de ação criminosa, será o grande desafio para o Governador Sérgio Cabral/PMDB, como foi o caso recente no Complexo do Alemão (Nova Brasília), onde criminosos mandaram o comércio fechar suas portas. O estado vai precisar não só manter, como avançar em outros territórios, para enfraquecer o crime organizado.
 
Sou sempre um otimista e tenho a certeza que teremos um 2013 ainda melhor, rumo a uma sociedade mais justa e fraterna.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

MINHA LUNA VIROU UMA ESTRELINHA

Minha gatinha foi para o céu hoje. Super companheira, carinhosa e super apegada comigo. Atendia pelo nome, me esperava na porta, quando voltava do trabalho. Vinha me dar boa noite todos os dias. Agora Luna é uma linda estrelinha no mundo das gatinhas do céu. Saudades!!!

FESTIVAL DE ECONOMIA SOLIDÁRIA

Foi um sucesso o II Festival de Economia Solidária, na Cinelândia, nos dias 06 e 07 de dezembro. Mais de 150 produtores, com diversas opções de qualidade, isto tudo é resultado da luta do Forum de Economia Solidária, do Projeto Rio EcoSol e de toda equipe da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Solidário. Vejam algumas imagens abaixo:
A entrada do Festival com um Banner da SEDES

Com amigas produtoras

Barraca das bonecas

Cordões de qualidade

Vista geral do Festival na Cinelândia

Barraca de produtor

Outra barraca de um produtor

Mais uma barraca de outro produtor

domingo, 9 de dezembro de 2012

É DIFÍCIL ACEITAR E ACREDITAR

É difícil aceitar e acreditar que uma empresa que lucra tanto, possa demitir sem nenhum obstáculo, milhares de trabalhadores num país que vem gerando empregos em praticamente todos os setores econômicos. O Santander teve um lucro que está entre os cinco maiores entre todos os bancos no Brasil e seu resultado no país, responde por 26% do seu lucro mundial, o melhor resultado em todo o mundo. O bancão espanhol lucrou R$ 5,694 bilhões até setembro e planejava demitir mais de 4 mil bancários.
Bancários do Rio na luta contra as demissões

BANCÁRIOS LUTAM
 
Lutando contra tudo e todos, os bancários de todo o país, paralisaram diversas agências e realizaram manifestações, exigindo o fim do processo de demissões em massa e a reintegração de todos os demitidos. Aqui no Rio, diversas agências foram paralisadas, pelo Sindicato dos Bancários do Rio de Janeiro nestes últimos três dias, em vários pontos da cidade.


A diretora do Sindicato, Fátima Guimarães, avisou que os protestos vão continuar até que o banco volte atrás nas demissões e cancele as que planeja fazer. “Além de intensificar as manifestações, estamos tomando medidas jurídicas, nos articulando com o governo federal e exigindo negociações imediatas com o próprio banco”, adiantou.
 
TRT-SP, SUSPENDE DEMISSÕES
 
A desembargadora Rilma Aparecida Heleutério, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (capital e região metropolitana de São Paulo), acolheu liminar na ação movida pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, ordenando a suspensão de todas as demissões sem justa causa feitas pelo Santander nesta semana. De acordo com a juíza, todas as dispensas que ainda não foram homologadas estão suspensas. As já homologadas, serão discutidas.

Segundo a desembargadora, o banco não está em crise, portanto, não há razão para demitir. Em sua decisão afirma: “Vocês são uma instituição europeia e foram acolhidos no Brasil. Têm de respeitar os brasileiros como respeitam os espanhóis”. Lembrou que os trabalhadores da Comunidade Europeia contam com leis de proteção ao emprego que não existem no Brasil. “Mas o trabalho é uma questão social e tem de ser olhado dessa forma.”

Caso a direção do Santander desobedeça a liminar que proíbe as demissões, o banco pagará multa diária de R$ 100 mil. A desembargadora destacou, ainda, a boa situação do banco. “Todos os rankings de consultorias indicam que não há crise no Santander. Ou seja, não precisa demitir".
Manifestação em São Paulo
 
NOVA LEGISLAÇÃO

Este caso das demissões do Santander, com o banco lucrando bilhões, só confirma a necessidade de uma nova legislação e proteção ao emprego. Não podemos admitir que uma empresa lucre tanto e não tenha nenhuma responsabilidade com o futuro do país. Afinal quando ela demite, desestrutura a família do demitido e coloca em risco a continuidade do crescimento econômico que o Brasil vem tendo. A Convenção 158 da IOT (Organização Internacional do Trabalho) precisa ser debatida e aprovada no Congresso Nacional e pelo governo brasileiro. É um ótimo mecanismo, que impede a demissão em massa pelas empresas que tenham uma boa saúde financeira.
 

sábado, 8 de dezembro de 2012

PARABÉNS BOTAFOGO!

Bandeira Alvinegra no Engenhão
Hoje o Botafogo de Futebol e Regatas completa hoje (sábado) 70 anos. Em 08 de dezembro de 1942 houve a fusão do Botafogo Football Club (que deu as litras da camisa e da bandeira) e o Club de Regatas Botafogo (que deu a famosa a apaixonante, estrela solitária). Dia de Nossa Senhora da Conceição, aniversário do Glorioso, dia de muita festa e orgulho para milhões de alvinegros espalhados em todo o Brasil e no mundo. Para completar o dia, o time de Futsal adulto foi CAMPEÃO Estadual, a equipe já tinha conquistado o Campeonato Carioca e feito uma boa atuação na Liga Nacional. Parabéns ao Campeões e a todos alvinegros! 
 

Biriba o Mascote
Hoje a diretoria do clube, estará realizando no Engenhão, o já tradicional "Feijão no Fogão" e também fazendo parte das comemorações foi lançado mais um livro contando a história do Botafogo. O Nome do livro é “Como esta estrela veio parar no meu peito. Jornalistas, amigos, familiares e botafoguenses prestigiaram mais uma obra de Rafael Casé. A camisa usada por Armando Albano na noite fatídica que desencadeou a fusão também esteve exposta.
 
"A ideia é exatamente contar essa história, porque muitos botafoguenses não sabem exatamente como tudo aconteceu. Essas efemérides são boas para isso, para que se recupere história. A fusão tem a cara do Botafogo, é dramática. Tem seu início em junho de 1942, em uma partida de basquete entre os dois Botafogos, do mesmo bairro, das mesmas cores, mas independente.
Capa do Livro
SINOPSE DO LIVRO

Em “Como esta estrela veio parar no meu peito - Os 70 anos da fusão do Botafogo”, o jornalista alvinegro Rafael Casé revive um dos episódios mais bonitos e dramáticos da história do futebol brasileiro. Foi há 70 anos, quando houve a fusão do Botafogo Football Club com o Club de Regatas Botafogo. Num jogo de basquete entre os dois clubes (que tinham sedes e estatutos diferentes), ocorreu uma grande tragédia.
Bandeirão no Engenhão

Em plena quadra, morria, vítima de um mal súbito, um jogador do Botafogo Futebol, Armando Albano, craque também da seleção brasileira. Foi uma comoção tão grande que, a partir dali, os dois Botafogos viraram um só, dando origem ao escudo da Estrela Solitária. O livro é ilustrado com fotos raras e o prefácio é do jornalista Arthur Dapieve.
Engenhão lotado pela torcida do Fogão

Alvinegros na sede comemorando mais uma conquista

Com os amigos alviengros

Cristo com a camisa alvinegra!

Bandeira alvinegra estilizada

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

NOVO DESAFIO

Estou assumindo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico Solidário - SEDES, da Prefeitura da cidade do Rio de Janeiro e tenho a certeza que o resultado desta nomeação, feita pelo Prefeito Eduardo Paes, é fruto de uma construção coletiva, que não vem de agora.
 
Sei da importância que alguns atores tiveram neste processo, como os bancários, diversas lideranças comunitárias e sindicais, os parlamentares, direção e militantes do Partido dos Trabalhadores, de boa parte da atual equipe da SEDES. Mas queria fazer um agradecimento especial, ao companheiro e amigo, Marcelo Costa, que percebeu a importância do projeto da SEDES como indutor de inclusão social e gerador de trabalho e renda para os pequenos grupos produtores, sejam eles da Economia Solidária, ou do pequeno e médio empresariado. Nestes últimos quatros anos, projetos importantes foram realizados na sua gestão.
 
O Rio EcoSol, que foi realizado nas comunidades do Complexo do Alemão, Santa Marta, Cidade de Deus e Manguinhos, foi um marco da Economia Solidária na cidade. O projeto "Mulheres Construindo um Novo Rio" formou quase 600 mulheres na construção civil. O Circuito de Feiras Orgânicas vem oferecendo produtos sem agrotóxicos direto do produtor. O programa "Pólos do Rio", organizou e criou diversos Pólos Gastronômicos e comerciais em toda a cidade. Inaugurou a primeira loja da Economia Solidária no calçadão de Copacabana, em frente à rua Siqueira Campos. O projeto Geração Consciente estimulou jovens a usarem sua criatividade, através da fotografia, marketing e jornalismo. A revitalização do Mercado São Sebastião e do CADEG. A Lei da Economia Solidária, aprovada na Câmara dos Vereadores e que irá colaborar na organização de diversas atividades no município carioca, foram realizações da gestão de Marcelo Costa e de sua equipe.
 
Agora o desafio é continuar a fortalecer e crescer o trabalho da SEDES, como instrumento de organização social, fortalecimento da Economia Solidária, geradora de emprego e renda, fortalecimento do micro, pequeno e médio empreendedor, apoiar os Arranjos Produtivos Locais (APL's), enfim, ajudar a fortalecer a inclusão social, nas transformações que a nossa cidade vem passando. Tenho a certeza que estes desafios serão superados, com muito trabalho coletivo.

MORREU O ARQUITETO DO POVO BRASILEIRO


Morreu aos 104 anos (faria 105 no dia 15 de dezembro), o bravo e competente arquiteto, Oscar Niemeyer. Nascido no bairro de Laranjeiras, formou-se em arquitetura e engenharia na Escola Nacional de Belas Artes, em 1934. Casado com Annita Baldo, falecida em 2004 e depois casa-se com Vera Lúcia Cabreira em 2006.
 
Niemeyer, projetou Brasilia, o Parque do Ibirapuera, o Memorial da América Latina em São Paulo, o Sambódromo e os CIEPs no Rio de Janeiro,  o Museu de Arte Contemporânea em Niteroí, o conjunto arquitetônico da Pampulha em Belo Horizonte e outros projetos em todo o Brasil e também em diversos países. Fez história através da arquitetura. 
 
Era um militante comunista e em 1945, o arquiteto ingressou no PCB (Partido Comunista Brasileiro), onde conheceu o Luiz Carlos Prestes e outros lideres da esquerda brasileira. Manteve contatos com diversos líderes comunistas e socialistas em todo o mundo, principalmente na extinta União Soviética e em Cuba.
 
Valeu companheiro! Valeu Oscar Niemeyer!
 
 

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

UM BRASIL QUE NÃO QUEREMOS MAIS

Não tenho a menor dúvida, que neste momento as forças reacionárias que governaram este país por mais de 500 anos, querem voltar e inverter todo o processo de inclusão social que hoje acontece no Brasil.
 
Os principais meios de comunicações, fazem uma oposição ferrenha ao atual governo e lutam de todas as formas para destruir de vez o PT, o partido que tem amplitude e força para manter e ampliar este processo.  É bom refrescar a memória de alguns amigos para entender o que vem acontecendo no Brasil, principalmente daqueles que fazem "eco" com aqueles que fabricaram a maior concentração de renda do mundo, atacaram os direitos do trabalhadores e largaram o país em 2012, com uma grande crise econômica, sem empregos e o tecido produtivo totalmente corroído.
 
Várias empresas estratégicas para o desenvolvimento do país, estavam sendo entregues a preço de banana. Os trabalhadores tiveram uma série de direitos retirados, milhares de demissões, inclusive no setor público, onde, por exemplo, o Banco do Brasil demitiu mais de 45.000 funcionários e a CEF outros 40.000 funcionários, levando inclusive diversos deles ao suicídio. Congelamento salarial, uma inflação que ultrapassava dois dígitos, uma Taxa SELIC que ultrapassava a 40%, O Risco Brasil batia na casa dos 3 mil pontos e hoje é menor que 100 pontos. Não podemos esquecer do Fator previdenciário, aprovado no governo FHC e que até hoje afeta milhões de aposentadorias. O PROER, uso do dinheiro público para salvar banqueiros falidos. Enfim, um Brasil montado para poucos.
 
Não havia emprego, porque não havia produção, não tinha ninguém para comprar. Sem consumo, era praticamente impossível superar a recessão, que afetava principalmente os trabalhadores e o capital produtivo. Mas o capital especulativo era agraciado o tempo todo, com uma legislação que favorecia os especuladores de plantão. As taxas de desemprego no país beirava a 20% da população economicamente ativa, nos jovens chegava a 50%. A miséria e a violência aumentando em todo o país. As cidades inchando e o campo ficando abandonado. Estava muito difícil viver no Brasil, milhares de brasileiros indo embora para diversos países, porque perderam a esperança.
 
Tentam agora esconder tudo de bom que vem acontecendo no país, mas os objetivos estão claros e a população sabe muito bem o Brasil que ela não quer mais.
 
Fontes: Amigos Sérgio Vianna, Karla Costa e www.redebrasilatual.com.br

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

MINHA CASA, MINHA VIDA, CHEGA A UM MILHÃO DE MORADIAS

O Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, comemorou nesta terça-feira, a entrega de mais de um milhão de moradias em todo o Brasil e já contratou mais um milhão de unidades.

Hoje os Governos do Estado do Rio, Prefeitura do Rio e Federal entregaram o empreendimento do Mangueira 2. Foi uma solenidade marcada pela emoção dos moradores da Mangueira e da comunidade do Metrô que receberam seus apartamentos. Vejam abaixo as fotos do evento e do empreendimento.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

PROCON CARIOCA NO SISTEMA NACIONAL DE DEFESA DO CONSUMIDOR

O Procon Carioca, coordenado pela Secretaria Municipal de Defesa do Consumidor, da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, está se preparando para ser integrado ao Sistema Nacional de Informação de Defesa do Consumidor,da Secretaria Nacional do Consumidor - Senacon, vinculada ao Ministério da Justiça. Todas as queixas recebidas pelo órgão farão parte das estatísticas nacionais, que ajudarão a orientar as políticas de proteção e defesa do consumidor. O trabalho já foi iniciado com a assinatura do Termo de Cooperação Técnica e Operacional.
 
Este tipo de ação integrada, só beneficia o consumidor.
 

domingo, 2 de dezembro de 2012

AINDA FALTA MUITO, MAS O BRASIL JÁ É MENOS DESIGUAL

A diferença entre ricos e pobres no Brasil atingiu a menor diferença em trinta anos. O Coeficiente de Gini de 0,508, apontado pela Síntese dos Indicadores Sociais (SIS), divulgada na quarta-feira, 28, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil atingiu em 2011 sua menor desigualdade de renda em trinta anos - em 1981, o indicador era 0,583.

Mas muita coisa ainda precisa mudar no Brasil, a desigualdade continua muito grande em relação aos países mais ricos, longe da média da União Européia que chegou a 0,305 em 2010 e no ano passado foi 0,290 na Alemanha, 0,308 na França e 0,244 na Suécia.

Prova que a desigualdade ainda é muito grande, 40%  dos mais pobres detinham apenas 11% da riqueza nacional. Em contrapartida, houve um queda entre os 20% mais ricos, que detiam 60% de toda riqueza, hoje tem 57%. Melhorou, mais é um avanço pequeno, para o país que sonhamos e que várias gerações de brasileiros lutaram.

sábado, 1 de dezembro de 2012

PALPITES DO BRASILEIRÃO - 38 RODADA

Na última rodada, só acertamos 30% dos nossos palpites. Vamos tentar melhorar nesta rodada.

SÁBADO

BOTAFOGO X FLAMENGO - EMPATE

SANTOS X PALMEIRAS - SANTOS


DOMINGO

FLUMINENSE X VASCO - FLUMINENSE

SÃO PAULO X CORINTHIANS - SÃO PAULO

GRÊMIO X INTERNACIONAL - GRÊMIO

ATLÉTICO-MG X CRUZEIRO - EMPATE

PORTUGUESA X PONTE PRETA - EMPATE

CORITIBA X FIGUEIRENSE - CORITIBA

NÁUTICO X SPORT - EMPATE

ATLÉTICO-GO X BAHIA - ATLÉTICO-GO

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

O MENINO E A PESCA

Um dia que ele estava lá, pegando uns lambarizinhos para levar pra casa, encostou um menino ao lado dele.

Antes que eu tivesse programa, escrevesse livro e tudo mais, meu pai já sabia que eu gostava muito de causo. Então às vezes ele vinha me contar umas coisas que era pra depois eu contar para outras pessoas. Mesmo já velhinho, ele gostava muito de pescar. Todo dia saía com duas ou três varinhas pra beira do rio Sapucaí.

Um dia que ele estava lá, pegando uns lambarizinhos para levar pra casa, encostou um menino ao lado dele. Era um molequinho espoleta, de uns sete ou oito anos, filho desses barranqueiros que moram na beira do rio. Só que o garoto chegou lá, sentou num canto e não saiu mais. Meu pai puxou a vara, pegou um lambari, colocou outra minhoca na vara. E de novo. E mais uma vez. Toda hora que ele olhava para trás, o menino continuava lá, acocoradinho, só olhando. Não abriu a boca pra falar nenhuma palavra, e também mal se mexeu.

Meu pai continuou a pescaria. Só que ele contou no relógio três horas e o menino lá, do mesmo jeito. Aí se zangou e resolveu falar com ele:

– Ô, menino, pega aqui uma varinha e venha pescar comigo, ara!

E o menino:

– Vou nada. Tenho paciência não, moço..
 
Escrito por: Rolando Boldrin
 
* Não sei se isto vai servir de algo importante para o seu cotidiano, mas pense nisto...rs

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

IMAGEM E EXEMPLO DE ZUMBI DOS PALMARES



Imagem de Zumbi dos Palmares
Você sabe como era o rosto do herói brasileiro, Zumbi dos Palmares? Claro que não! Ninguém conhece. A imagem que usamos para representá-lo foi inventada, pois nunca houve registro de sua fisonomia.
 
Ele nasceu livre, no Quilombo dos Palmares, em 1665. Mas logo foi capturado e obrigado a viver com um padre. Já com os seus 15 anos, ele conseguiu fugir e voltar para a sua comunidade e logo se tornou o melhor dos guerreiros, protegendo o Quilombo dos Palmares com muita pericia e criatividade. Não era fácil defender a sua comunidade, já que o seu tamanho igualava-se ao território de Portugual.
 
Após a morte do líder Ganga Zumba, Zumbi assumiu o seu lugar. Ele era procurado pelo governo pernambucano, que tentava destruir o Quilombo por mais de 100 anos. Diziam até que o Zimbi era imortal, tal a dificuldade de capturá-lo por forças governamentais. Hoje séculos depois, lembramos Zumbi, como uns dos maiores heróis brasileiros, no dia 20 de novembro, data de sua morte, que virou feriado nacional em que se homenageiam a cultura e a história dos negros brasileiros.
 
É uma história que começou triste, devido a escravidão, mas que foi bonita e virou exemplo de luta e resistência. Esta é a sua melhor imagem de Zumbi dos Palmares para todos nós, que lutamos por um mundo mais justo e fraterno para todos.

DIA DE SOLIDARIEDADE COM O POVO PALESTINO

Hoje, dia 29 de novembro, é o Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestino. Um povo que luta para ter direito a uma nação, uma terra para plantar, seguir e dirigir o seu próprio destino. O povo palestino não pode ser visto como terroristas e sim como uma nação que busca o direito de criar seus filhos.
 
É preciso que a comunidade internacional busque uma solução e devolva as terras para quem sempre habitou aquela região. Não sou daqueles que acham que os judeus também não devem ter direito a uma nação e que Israel não possa existir. Mas não podemos aceitar o poderio militar israelense, com o apoio americano, que invade a cada dia com ocupações as terras palestinas e diminuem o seu território. É preciso urgentemente se fazer justiça neste processo no Oriente Médio.
 
Por tudo isto, este é um dia super importante e justo, para a causa de um povo sofrido. 

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

COMEÇA A DECISÃO DA TERCEIRA DIVISÃO

Começa hoje, a partir das 21h30m, no Estádio Romeirão, em Juazeiro do Norte, Ceará, a decisão da Série C - terceira divisão - do Campeonato Brasileiro, entre Icasa e Oeste/SP. O segundo jogo será no estado de São Paulo, na cidade de Itápolis no dia 1º de dezembro, às 17 horas.

O Icasa conseguiu a vaga na final passando pelo tradicional time paraense, o Paysandú. O Oeste conquistou seu lugar na decisão, passando pela equipe catarinense do Chapecoense. As quatro equipes já garantiram vaga na Série B - segunda divisão - em 2013. O curioso é que as quatro equipes ficaram em terceiro e quarto lugares em seus grupos na primeira fase, correndo riscos de não passar para as quartas de final da competição. O Chapecoense eliminou o Luverdense; O Oeste passou pelo Fortaleza; O Paysandú eliminou o Macaé e o Icasa o Duque de Caxias.

CARIMBAR O DESTINO DOS ROYALTIES, É FUNDAMENTAL!

O Jornalista Fernando Molica * na edição do Jornal O Dia, desta quarta-28, escreveu um artigo sobre a polêmica da divisão dos royalties do petróleo. Opinião que compartilho totalmente.
 
A luta dos estados produtores para manter o pacto anterior sobre a divisão dos royalties, como é o caso do estado do Rio de Janeiro, acho super justa e se não for revista pela presidenta Dilma, abrirá um precedente muito perigoso, com outros debates.
 
Mas é preciso debater uma distribuição mais igualitária, preservando os direitos dos estados produtores, mas entendendo que isto é uma riqueza nacional e não pode apenas ficar concentrada em alguns estados. O Pré-Sal está ai para isto. Mas o maior debate ninguém quer fazer:
 
Qual a real destinação desses recursos?
 
Hoje temos municípios super ricos e suas populações super pobres, este dinheiro não chega na ponta para melhorar as condições de vida, gerar emprego e renda, ou melhorar a educação e a saúde. O que vemos são escolas depredadas, seus profissionais ganhando pouco e os hospitais e os postos de sáude sem as mínimas condições de atender dignamente o cidadão e cidades altamente favelizadas.
 
Como fala o Fernando Molica  "Mas a manifestação de segunda-feira passada teria sido mais representativa se, ao longo dos anos, a importância dos royalties tivesse sido percebida pela população. Muitas de nossas cidades estão penduradas no dinheiro do petróleo, o problema é que o uso desse mundão de grana nem sempre é notado."
 
Sou daqueles que é preciso carimbar os recursos para a educação e a saúde, proibindo estados e municípios de usar os royalties com outra destinação. Hoje servem para tudo, projetos mirabolantes, pagamentos de shows e festivais com grandes atrações e "ações que servem apenas para alavancar e sustentar carreiras políticas..." afirma Molica.
 
Precisamos realmente construir uma carta-compromisso relacionada à aplicação dos recurso dos royalties. definindo metas e, principalmente, a garantia do controle público (da sociedade) dos investimentos. Assim poderemos construir um outro país para futuras gerações, com uma educação e saúde de qualidade, enfim, um Brasil justo e fraterno pata todos e todas. 
 
 
* Fernando Molica é jornalista e escritor

E AGORA JOAQUIM?

Joaquim Barbosa assumiu a presidência de uma Suprema Corte manchada pela nódoa de um julgamento político conduzido contra lideranças importantes da esquerda brasileira. Monocraticamente, como avocou e demonstrou inúmeras vezes, mas sempre com o apoio indutor da mídia conservadora, fez o trabalho como e quando mais desfrutável ele se apresentava aos interesses historicamente retrógrados da sociedade brasileira --os mesmos cuja tradição egressa da casa-grande deixaram cicatrizes fundas no meio de origem do primeiro ministro negro do Supremo.
 
Arriadas as bandeiras da festa o espelho da história perguntará nesta noite e a cada manhã ao juiz: -- E agora Joaquim? O mesmo relho, o mesmo "domínio do fato", o mesmo atropelo das provas orientarão o julgamento da Ação Penal 536 , o "mensalão mineiro"? Coube a Genoíno,já condenado --e também a Rui Falcão, presidente do PT-- fixar aquela que deve ser a posição de princípio da opinião progressista diante da encruzilhada de Barbosa: "Não quero para os tucanos o julgamento injusto imposto ao PT". Mas a Joaquim fica difícil abrigar o mesmo valor sob a mais suprema das togas. Sua disjuntiva é outra.
Fonte: Carta Maior; 6ª feira - 23/11/2012 e www.bancariosrio.org.br

terça-feira, 27 de novembro de 2012

O MENINO LIVREIRO DO ALEMÃO

Depois que os meninos mais velhos excluíram Otávio Júnior de uma partida de futebol, ele andava a esmo pela favela, quando viu um livro deixado no lixo. Foi assim que leu seu primeiro livro, aos oito anos – e só porque naquela tarde faltou luz e não dava para ver televisão. Durante os tempos de escola, andava 20 quilômetros até a biblioteca pública, no centro do Rio de Janeiro.

Ainda caminharia muito por leitura. Em paralelo a cursos de teatro e cinema, desde os 15 anos roda os complexos da Penha e do Alemão lendo histórias para crianças. Passou a se inteirar de projetos e oficinas sobre aprendizado e desenvolvimento por meio dos livros.

Além de um tapete emprestado da mãe para as contações de história, arranjou uma mala onde carregava até 100 livros. Fazia uma espécie de escambo, recolhendo obras de quem não queria mais. Em 2009, juntou seu acervo de 10 anos a uma doação do Ministério da Cultura para inaugurar a primeira “barracoteca” da comunidade. Para o investimento no imóvel, anunciou o projeto na internet e contou com a ajuda do pai, que é pedreiro, para reformar o antigo salão de forró.

Otávio até passou para o outro lado e assinou um livro de memórias: O Livreiro do Alemão (Panda, 2011). Seu projeto de difusão da leitura, chamado Ler é 10 – Leia Favela, segue de pé. E ainda aguarda o dia em que todas as esquinas da favela tenham uma biblioteca: “Enquanto tem muita gente que quer reter o conhecimento, passando de geração em geração, nossa proposta é quebrar esse pensamento e formar uma comunidade mais consciente. O livro tem esse poder”.
Em breve vamos contar a história muito parecida do "Seu Geraldo" da Comunidade da Kelson's, atrás do Mercado São Sebastião, na Penha.
Escrito por: Natália Pesciotta

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

APRESENTADO O CARTAZ DA COPA DO MUNDO


Cartaz no detalhe
A Prefeitura do Rio apresentou ontem (domingo-25) no Engenhão, antes do jogo entre o Botafogo e o Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro, a imagem oficial que vai representar o Rio de Janeiro na Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014. O pôster, escolhido através de concurso nacional com 59 inscritos,
 
O grande pôster com a imagem oficial ficará em exibição no lado de fora do Engenhão, onde poderá ser visto por todos os cariocas. O Rio de Janeiro receberá sete partidas da Copa do Mundo de 2014, incluindo a grande final.

A imagem do Rio na Copa foi criada pelos designers Julia Gostkorzewicz e Eduardo Leichner, da Modo Design e Informação, empresa vencedora do concurso nacional que escolheu o símbolo da cidade na competição. O pôster representa a essência do carioca, “ que se move no ritmo do mar, e com a energia da natureza que o cerca e do calor do sol (...) Será impossível não sentir a vibração e o ritmo da música em tudo que o cerca. Quem conhece o carioca de verdade logo percebe que é dele que o Rio de Janeiro é feito”.
Cartaz no Engenhão ontem (25/11)

O júri foi composto por sete integrantes: a assessora de Eventos Técnicos da Empresa Olímpica Municipal, Barbara Bretas Pomeraniec; a Gerente do Centro Carioca de Design, Paula Camargo; a representante da Fifa Luiza Iglesias, e os designers Rico Lins, Bruno Porto, Chico Homem de Melo e Ricardo Leite. Os vencedores foram escolhidos com base nos seguintes critérios: criatividade, viabilidade técnica, conceito, originalidade da proposta, impacto visual e qualidade estética e clareza da comunicação. O projeto vencedor será encaminhado para aprovação da Fifa.
 

RESTA POUCA COISA NO BRASILEIRÃO 2012

Faltando apenas uma rodada para a finalização da edição 2012, do Campeonato Brasileiro de futebol, resta pouca coisa em disputa. As vagas para a Copa Libertadores já estão definidas (Fluminense, Grêmio, Atlético-MG e São Paulo), apenas a luta entre Grêmio e Atlético-MG, para saber quem entra direto na fase de grupos, sem precisar passar pela chamada pré-Libertadores. O Grêmio enfrenta o seu maior rival, o Internacional e o Atlético-MG enfrenta também seu maior rival, o Cruzeiro.
 
Na luta para evitar o rebaixamento, três equipes estão na disputa. Sport (41pontos e enfrenta o Náutico, fora de casa), Bahia (44 pontos e enfrenta o Atlético-GO, fora de casa) e a Portuguesa (44 pontos e enfrenta a Ponte Preta, em casa). Para o Sport só a vitória interessa e mesmo assim terá que torcer por derrota do Bahia ou Portuguesa, sua situação ficou muito complicada. Vamos esperar para ver que vai se juntar ao Atlético-GO, Figueirense e Palmeiras na segunda divisão.
 
Depois de domingo é programar 2013 e esperar o próximo campeonato brasileiro.

domingo, 25 de novembro de 2012

O BOTAFOGO VEM ERRANDO NOS DETALHES

O Botafogo vem desde 2003 crescendo e sempre disputando os campeonatos na parte de cima da tabela, mas erra sempre nos detalhes de seus planejamentos. Neste campeonato a diretoria deixou ir embora praticamente todo o ataque do elenco (Loco Abreu, Herrera, Caio e Alex) e ficamos boa parte da competição sem um atacante de ofício e isto tirou a equipe da luta pelo título. Veio Seedorff e ficou sem ninguém para aproveitar os belos passes do armador.
 
Com a chegada do garoto Bruno Mendes, voltamos a sonha com a vaga na Libertadores, Foi só ele ficar fora dois jogos e pronto, adeus ao sonho. O time não tem qualquer padrão de jogo, não consegue se forte e agressivo - isto só acontece, quando vai para o desespero, atrás de resultado - e mesmo assim a diretoria aponta um novo erro estratégico para 2013, manter o Oswaldo de Oliveira, com o discurso que é uma continuidade do trabalho - estaremos fritos ano que vem - e que o grupo de jogadores o aceita muito bem.
 
Este grupo não tem qualquer moral para pedir algo, ele receber em dia e tem condições de trabalho, que poucos clubes brasileiros dão e mesmo assim, não ganharam nadinha para o Botafogo e sua torcida, que não aguenta mais a mesma história todo ano. Faço uma crítica construtiva e digo, se a diretoria insistir em manter o Oswaldo de Oliveira, perderá parte do ano que vem, já que ele não dura até o próximo Campeonato Brasileiro. Avisei lá atrás que precisaríamos de zaqueiros e que o Fábio Ferreira era uma piada, deu no que deu!
 
O discurso do Oswaldo era a disputa do título, depois passou a ser a vaga na Libertadores, depois buscar a melhor classificação do clube, na era dos pontos corridos e agora é pela honra. Fala sério, isto demonstra a falta de ambição por títulos grandiosos. O que acontece hoje, é a torcida do clube apenas assistindo seus principais rivais, conquistarem títulos e glórias.
 
FORA OSWALDO DE OLIVEIRA E POR UMA MUDANÇA DE MENTALIDADE DENTRO DO CLUBE!

sábado, 24 de novembro de 2012

ACIDENTE NA FEIRA BRASIL RURAL COMTEPORÂNEO

A feira estava prevista para terminar neste domingo
Aconteceu nesta tarde de sábado um acidente fatal na Feira Brasil Rural Contemporâneo, que acontece na Marina da Glória. Uma estrutura de ferro desabou e matou uma pessoa e deixou outros três feridos. A feira foi suspensa até a conclusão da perícia. O MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário) emitiu uma nota sobre o acidente. Veja abaixo:
 
NOTA OFICIAL
24/11/2012
O Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) lamenta o acidente ocorrido na tarde deste sábado (24) na Feira Nacional da Agricultura Familiar, provocado pela queda de uma estrutura metálica, que resultou em três feridos e uma vítima fatal.

O MDA se solidariza com as famílias das vítimas e vem por meio desta dar conhecimento das providências adotadas.

 As vítimas foram atendidas no local e, prontamente, encaminhadas ao Hospital Souza Aguiar. Os visitantes e expositores foram orientados a deixar o local por medida de precaução.
Neste momento a prioridade é prestar atendimento às vítimas e aos familiares.
 
Além disso, o registro policial foi feito e aguardamos as perícias para identificar as causas do acidente.
 
A programação da Feira está suspensa e aguarda o laudo da Defesa Civil, que está no local verificando as condições das instalações.
 
O MDA aguarda e confia na apuração das causas do acidente.

Vejam mais detalhes na página do evento:
http://www.mda.gov.br/feira/noticias/item?item_id=10849222